Ego: fragmentos da totalidade

Vejo o Ego como a minha personalidade, a estrutura da minha cultura, da minha tradição, fragmentos da minha totalidade, desconectados da minha natureza genuína.
Fragmentos que criam a minha história, capítulos intermináveis de aventuras, questionamentos, experiências!

Em busca de novas possibilidades, de novas escolhas, de novas oportunidades, mergulho dentro de mim…medito, me autoquestiono!

Sinto as minhas dificuldades em sentir…
Descubro o motivo do não fluir…
Vejo como ele atende às minhas necessidades no momento…
Uma proteção, um medo, uma resistência!

Uso a respiração para atravessar e dissolver os meus bloqueios, para relaxar o Ego.
Percebo a minha mente se expandindo, as minhas percepções se aprofundam.
Ao transcender, encontro o meu blueprint!

A minha semente genuína!
A partícula eterna!
A presença sempre presente… o néctar que alimenta a minha alma, que sustenta o meu corpo!
Um amor além dos meus desejos, das minhas necessidades.
O pulso da minha existência!

 

Site do Dr. Hal Stone

Compartilhe

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *